Federação Catarinense de Motociclismo

Alesc homenageia 35 anos da fundação da
Federação Catarinense de Motociclismo
Texto: Ludmilla Gadotti/Agência AL - Fotos: Miriam Zomer/Agência AL

A Assembleia Legislativa realizou, na noite de segunda-feira (5), sessão especial em comemoração aos 35 anos de fundação da Federação Catarinense de Motociclismo (FCM), entidade que reúne 790 pilotos filiados no estado.

O proponente da solenidade, deputado Mário Marcondes (PSDB), destacou que Santa Catarina é referência nacional na formação de atletas de motociclismo. “É uma homenagem justa e merecida à federação pelos 35 anos de atuação exitosa, que orgulha o nosso estado. Nesse período, saíram das pistas catarinenses vários campeões brasileiros e mundiais, especialmente do motocross. Mas houve e há muitos talentos também nas demais categorias, como enduro, rally, velocross, regularidade e supercross.” 


Marisério Kons recebe placa dos deputados Leonel Pavan e Mário Marcondes

O presidente da FCM, Marisérgio Francisco Kons, agradeceu a honraria concedida pelo Parlamento catarinense. “Estamos muito felizes e orgulhosos. Santa Catarina sempre foi um celeiro do motociclismo nacional.” Ao confirmar a realização do Campeonato Catarinense de Motocross em 2017 com a participação de grandes equipes, “Pezão” declarou estar confiante em relação ao futuro. “O momento é difícil. Ultimamente, como a situação do país não anda muito bem, novas equipes não surgem com tanta força quanto antes, mas certamente vamos superar isso.”


Valério Zawadzki Netto falou em nome da FCM

Em nome dos homenageados, o locutor esportivo Valério Zawadzki Netto ressaltou a necessidade de valorizar pilotos, familiares dos atletas, integrantes das equipes, mecânicos, engenheiros, dirigentes da FCM, funcionários e colaboradores da entidade, patrocinadores, motoclubes, organizadores de eventos, prefeituras apoiadoras e profissionais da imprensa. “Essa homenagem ficará guardada nos corações de todos que fazem parte do mundo do motociclismo. Sabemos o quanto é difícil participar do esporte. Que este momento seja transformado em um incentivo para a continuação e melhoria nos eventos do estado. Para os pilotos, que seja uma força ainda maior nas conquistas dentro e fora de Santa Catarina.”

Homenagens

O trabalho desenvolvido por fundadores da Federação Catarinense de Motociclismo, ex-dirigentes da instituição e pilotos catarinenses foi reconhecido pela Assembleia Legislativa.


Onílio Cidade Filho, ex-presidente da FCM

O dirigente que esteve à frente da FCM por 24 anos, Onílio Cidade Filho, também agradeceu o reconhecimento do Poder Legislativo catarinense. “Muito obrigado pela oportunidade de reunir pessoas que lutaram para que tivéssemos uma federação forte no Brasil: fundadores, atletas renomados lá do começo da história e pilotos da renovação, que batalharam para trazer bons resultados para Santa Catarina e para o país.”

Paulo Roberto Alexandre (presidente da FCM entre 1981 e 1986)

Paulo Cesar Machado (piloto revelação na modalidade motovelocidade na terra no período de 1981 a 1990)

Onílio Cidade Filho (presidente da FCM nos períodos de 1990 a 1994 e 1996 a 2016)

Valério Zawadzki Netto (locutor dos principais eventos no estado, como o mundial de motocross, campeonatos brasileiro e catarinense de motocross, arenacross, supercross)

Osni Maçaneiro (vice-presidente da FCM no período de 1981 a 2016)

Paulo Guimarães (piloto revelação na modalidade motocross e motovelocidade na terra no período de 1979 a 1995)

Ricardo Luiz Claudio (fundador do primeiro motoclube de Santa Catarina e organizador da primeira corrida de motocross no estado)


Osni Maçaneiro, ex vice-presidente da FCM

O Parlamento catarinense também entregou certificados a personalidades que contribuíram com a FCM ao longo dos 35 anos de atuação da entidade.


Milton Chumbinho Becker

Milton “Chumbinho” Becker

Cássio Roberto Garcia

Wanilton Lobo

Richard Gabriel Berois Bermudez

Anderson Hauptli Cidade

Cristopher Castro

Tauan Henrique Brenner

Eduardo Battisti Archer

Jovanio Luiz Frutuoso

Ricardo Martins

Guilherme Gaspar Cascaes

Jackson Feubak

Humberto Cadori

A Alesc prestou, ainda, homenagens póstumas ao piloto lagunense João Paulino da Silva Júnior, o “Marronzinho”, tricampeão brasileiro de motocross, e ao empresário Sérgio José Jachowicz, fundador da FCM e do motoclube de Canelinha, cidade que abriga uma das melhores pistas de motocross do mundo.

Apoio da secretaria estadual

Cotado para assumir o cargo de secretário de Estado do Turismo, Cultura e Esporte, o deputado Leonel Pavan (PSDB) integrou a mesa de autoridades da solenidade. Na ocasião, Mário Marcondes e Onílio Cidade Filho reforçaram o pedido de apoio da SOL em prol da FCM.


Jovânio "Palhoça" Frutuoso

Guilherme Cascaes

Humberto Cadori

Apoio:

FCM

Federação Catarinense de Motociclismo

Rua Comandante José Ricardo Nunes, 79
Capoeiras - Florianópolis - SC - 88070-220
Fone: (48) 3248-1950 Fax: 3348-8681
Email: fcm.sec@gmail.com

2001-2015 Todos os direitos reservados - Proibida reprodução do conteúdo sem autorização.