Federação Catarinense de Motociclismo

Canelinha promete grandes disputas para
etapa do Catarinense de Velocross
Texto: Bruna Wagner - Assessoria FCM - Fotos: Racecross.com

 

Canelinha volta a receber provas do Campeonato Catarinense de Velocross, com a realização neste final de semana (19 e 20), da quarta etapa do estadual. Um grande número de inscritos é esperado para o evento, que será cheio de atrações na famosa Pista do Binho.

As inscrições ainda estão abertas e podem ser realizadas pelo site da Federação Catarinense de Motociclismo (FCM). A programação do evento já foi divulgada e a primeira sessão de treinos no sábado (19), está marcada para começar às 13h. No domingo (20), o warm up terá início às 08h30 e as primeiras baterias estão previstas para começar às 11h30.  

As atrações extras do evento serão a segunda edição da Prova do Milão, com premiação de R$ 1500,00 para o primeiro colocado oferecidos pela TWB Comandos e Dinamometros, R$ 600,00 para o segundo, fornecido pela PH Cross e R$ 400,00 para o terceiro colocado, patrocinado pela FCM. O quarto colocado ganhará um pneu e o quinto um capacete, oferecido pela MotoshopHaverão também mais três provas extras, que são a Feminina, Amigos do Binho (categoria Especial) e Amigos do Binho (categoria Nacional).

 

Rafael Faria e Leandro Lemos são destaques do estadual

O piloto Rafael Faria vem despontando em três categorias no Velocross desde o início do campeonato, sendo líder da VX1, VX2 e Nacional 230cc Pró. Pela VX1, o piloto tem nove pontos a mais que o segundo colocado Luiz Zimmermann, que soma 66. Na VX2, o segundo colocado Edinilson Batista soma 58 pontos, contra 67 de Faria. E pela Nacional 230cc Pró, o piloto vem com folga de 20 pontos para o o segundo colocado que é Jean Grosskopf.


Rafael Faria

 

Já Leandro Lemos, é líder nas categorias VX3 e Nacional Força Livre. Pela VX3, foi campeão nas três etapas e está a 19 pontos de Braz dos Santos, o segundo. Na Nacional Força Livre, ganhou duas provas e soma 72 pontos, nove a mais que Grosskopf que é o segundo. Lemos também corre pela VX1 e no momento está em quarto na classificação.


Leandro Lemos

 

Pela VX4, há uma boa disputa de pontos entre o primeiro colocado que é Fabiano Ribeiro que tem 72 pontos, contra 69 de Santos. Apenas um ponto de diferença define as posições na classificação geral da VX3 Nacional. Na liderança vem Ricardo Gargioni com 61, Arno Filho na sequência com 60 e Alex Pains em terceiro com 59. Já na VX4 Nacional, Gian Reinert vem na frente com 70 e Itamar Rodeski em segundo, com cinco pontos a menos.

Na Nacional 230cc Intermediária, a diferença na pontuação entre os três primeiros é bem pequena. Flavio dos Santos chegou a 63, Darlei Weiss vem logo atrás com três pontos a menos e em terceiro está Jean da Silva, com 55.

Anthonny Gervasio é líder da Intermediária VX2, por apenas um ponto de diferença de Eduardo Tessaro que é o segundo, com 65. Edvaldo Faes vem logo em terceiro, com 58 pontos. A categoria promete boas emoções ao público no final de semana. Pela Nacional 230cc Light, Weiss é líder por apenas três pontos de diferença para Fabiano Bertoti, segundo colocado.


Anthonny Gervasio

 

Pela Nacional 160cc, Crystian Andrade lidera com 68 pontos e Guilherme Pscheidt vem logo atrás com dez pontos de diferença. Na Júnior, Carlos Gervasi ganhou as três provas anteriores e é o primeiro colocado, tendo Nicolas Lopes em segundo, com 66 pontos.

Na 65cc, o piloto Vitor Borba ganhou as três etapas e é lider na categoria, com boa distância do segundo colocado Mateus Bonetti que soma 57 pontos até agora. Na Mini Motos, Mateus de Lima é o primeiro com 11 pontos a frente do segundo, que é Murilo de Souza que soma 61 pontos.

O Catarinense de Velocross tem o patrocínio de Rinaldi, Geração Motos e Blade Energy Drink.

Resultado da promoção

 

Apoio:

FCM

Federação Catarinense de Motociclismo

Rua Comandante José Ricardo Nunes, 79
Capoeiras - Florianópolis - SC - 88070-220
Fone: (48) 3248-1950 Fax: 3348-8681
Email: fcm.sec@gmail.com

2001-2015 Todos os direitos reservados - Proibida reprodução do conteúdo sem autorização.