Federação Catarinense de Motociclismo

Quarta etapa do Catarinense de Velocross
chega equilibrada a Taió
Texto: Bruna Wagner - Assessoria FCM - Fotos: Divulgação

 

Nos dias 06 e 07 de maio, acontece a quarta etapa do Campeonato Catarinense de Velocross em Taió. Após três etapas na região do Planalto Norte, o campeonato chega à região do Vale do Itajaí, com classificação equilibrada. Com o critério de descarte, a disputa ficou ainda mais acirrada, e possui categoria com até seis pilotos em busca direta pelo título.

Na principal categoria da competição, a VX1, Lucas Gadotti é o líder na classificação geral. Mas, aplicando o critério de descarte, Leandro Lemos, Luiz Zimermann e Gadotti somam 47 pontos, com uma vitória cada e mostram o equilíbrio das etapas em que já participaram.


Lucas Gadotti

Na Intermediária Especial, os seis primeiros colocados estão separados por apenas oito pontos.  No critério de descarte a disputa fica ainda maior, com os pilotos em busca direta pelo título.

Na Intermediária Nacional há mais equilíbrio na categoria, em que os sete primeiros colocados tem uma pequena diferença na tabela, porém Fabio Valentini é o líder se aplicado o descarte. Na Vx4 Nacional, Alexandre Medeiros que não pode disputar a prova de Canoinhas, soma 47 pontos, após uma vitória e um segundo lugar.  


Fabio Valentini

 

Após as primeiras etapas, a categoria que está mais indefinida no campeonato é a Junior, pois houveram três vencedores diferentes nas provas anteriores. Pedro Todt é o primeiro colocado na classificação geral, mas eliminando o pior resultado de cada piloto, Erik Caetano fica como líder, apenas dois pontos a frente de Todt e cinco pontos a frente de Anthonny Gervasio.


Anthonny Gervasio

 

A classificação atualizada com a homologação da Nacional 160cc foi divulgada e os três primeiros colocados, sem o critério de descarte são Luan de Paula, Mikael Klock e Carlos Galeguinho.

A classificação completa do campeonato pode ser conferida aqui

 

Inscrições

As inscrições podem ser realizadas no site da Federação Catarinense de Motociclismo (FCM). Para pilotos filiados o valor é de R$ 100,00 antecipado e R$ 120,00 no local de prova.

Além da premiação de R$ 5.680,00 reais em dinheiro, Taió terá o sorteio de um jogo pneus entre os participantes e demais novidades que serão anunciadas pela Federação durante a etapa. 

O valor da entrada no local de provas é de R$ 15,00 sem almoço e R$ 30,00 com almoço com buffet completo com costela de fogo de chão.

As próximas etapas acontecem em Blumenau, nos dias 17 e 18 de junho e Agrolândia nos dias 22 e 23 de julho.

O campeonato Catarinense de Velocross é patrocinado por Rinaldi, Grupo Geração, Destak Transportes e Blade Energy Drink.

 

Apoio:

FCM

Federação Catarinense de Motociclismo

Rua Comandante José Ricardo Nunes, 79
Capoeiras - Florianópolis - SC - 88070-220
Fone: (48) 3248-1950 Fax: 3348-8681
Email: fcm.sec@gmail.com

2001-2015 Todos os direitos reservados - Proibida reprodução do conteúdo sem autorização.