Federação Catarinense de Motociclismo

Catarinenses retornam do World Vet Motocross
Championships 2018 com muitos troféus
Texto e fotos: Divulgação

 

 A equipe Team Brasil do catarinense Richard Berois, participou da 34ª edição do World Vet Motocross, conhecida como “Mundial de Veteranos”, em Glen Helen, na Califórnia. O evento aconteceu dos dias 02 a 04 e reuniu mais de mil pilotos do motocross do mundo.

Os catarinenses Richard Berois, Luciano Farias, Rogério Schmitt participaram de mais uma edição, junto com Gilmar Meneghini e Jorge Negretti que também compõem a equipe.

Para Berois, a cada ano o nível dos pilotos eleva muito. “A cada edição nós sentimos que a competição está mais difícil pelo grande nível e quantidade de pilotos, também pelo nível técnico da pista e o clima da região.  Porém, a satisfação de competir nos Estados Unidos, é sem dúvida recompensadora. É um sonho”, conta.

Para o piloto, é arrepiante chegar em Glen Helen a cada edição do evento. “Lá vemos que o motocross está na veia desses amantes do esporte. Passamos os dias entre as pistas e as lojas de equipamentos para motocross. Aproveitamos o tempo para ver tudo que não temos no Brasil. Lá é o paraíso”, expressa.

Confira os resultados das provas de sábado (03) e domingo (04):

 

Sábado:

Richard Berois correu na 40+, fazendo na primeira bateria segundo lugar e na segunda bateria foi o primeiro, ficando na final em primeiro lugar.  Também correu na 35+, conquistando na primeira e segunda bateria a quarta colocação e assim ficando na final nesta posição.

Rogério Schmitt correu na 50+, conquistando a nona posição na primeira bateria e na segunda ficou em oitavo, terminando em oitavo lugar na final.

Luciano Farias correu na 40+, ficando em 14º na primeira bateria e na segunda terminou em 13º, ficando na final em 13º lugar.

Gilmar Meneghini correu na 40+, ficando em 10º na primeira bateria. Na segunda terminou também em 10º,  e manteve essa mesma posição na final.

Jorge Negretti correu na 50+, terminando a primeira bateria em quinto lugar, mas não correu na segunda,  ficando na final em 15º.


Richard Berois

 

Domingo:

Berois na 40+, conquistou o primeiro lugar nas duas baterias e na final. Na 35+, ficou em segundo nas duas baterias e na final ficou em 24º.

Schmitt na 50+, foi nono colocado na primeira bateria e na segunda terminou em oitavo. Assim, na final ficou em oitavo.

Farias pela 40+, ficou em sexto na primeira bateria e na segunda terminou em 14º,  ficando na final em nono lugar.

Meneghini correu na 40+, ficando em terceiro na primeira bateria e em sexto na segunda. Na final terminou em quarto lugar. Pela 35+, fez na primeira bateria o terceiro lugar e na segunda terminou em 10º, ficando na final em sétimo lugar.

Negretti pela 50+, fez na primeira bateria sétimo lugar e na segunda  acabou a prova em nono. Na final, ficou em oitavo lugar.

 

Os patrocinadores da equipe Team Brasil são Luciano Lâminas, Imobiliária Super, Blade Energy Drink, Durag, Novo Estilo de Vida, Tebaldi, ASW, Moto Shop e Top Line Turismo. Os brasileiros Leonardo Guesser e Jânio Resende prestaram todo o apoio à equipe no período no Estados Unidos. 

 

Apoio:

FCM

Federação Catarinense de Motociclismo

Rua Comandante José Ricardo Nunes, 79
Capoeiras - Florianópolis - SC - 88070-220
Fone: (48) 3248-1950 Fax: 3348-8681
Email: fcm.sec@gmail.com

2001-2015 Todos os direitos reservados - Proibida reprodução do conteúdo sem autorização.